Posts Tagged ‘Ateu

26
out
09

Não pises nos meus memes…

Olá! Atualizando com um pouco de pressa. Tenho de partir rumo ao desconhecido e inóspito Rio de Janeiro com suas vielas e ruas tortuosas (ok, admito, sou um pouco doentinho hahahahahaha).

O título para muitos não fará o menor sentido, mas não se preocupem, em breve irei falar do que se trata esses tais “memes”. Aguardem. O post de hoje é para citar um vídeo, pequeno, sobre a teoria da Evolução ser um argumento contra o Teísmo. Apesar da teoria bater de frente com algumas idéias Teístas, não colocaria como o autor do vídeo o fez ao colocar no youtube, com o título ao meu ver completamente tendencioso. “A teoria da evolução prova que Deus não existe?” Não ela não prova, máximo que ela pode fazer é levantar evidências que levem a dúvida se existe ou não um Deus. Ponto. Vejamos o vídeo.

Infelizmente não consegui achar na íntegra esse vídeo nem a colocação de Christopher Hitchens a respeito da evolução e como funcionaria como argumento anti-teísta. Mas ao notar a resposta de William Lane Craig, notei algumas coisas que me deixaram intrigado. Os argumentos de sua resposta.

-Primeiro ele afirma que a idéia criacionista do mundo feito em 6 dias da gênesis e etc, NÃO É um componente necessário a fé Cristã. Isso realmente eu não entendi. Ele também afirma que a bíblia dá margem a diversas interpretações e que não necessariamente estariam ligada aos 6 dias como conhecemos. Os dias “daquela” época poderiam durar 200 horas como temos hoje e não 24h(essa parte eu entendi). Então qual seria a função de parte da gênesis, diga-se de passagem uma das mais importantes (a origem do mundo que vivemos)? Essa parte soa absurda logo pode ser descartada?

-Segundo ele afirma que as chances de em termos evolutivos o surgimento do genoma humano (e usa dados de dois físicos citados) é tão ínfima e improvável que “literalmente isso é um milagre logo Deus existe”. Discordo e acho que a colocação do termo “milagre” foi infeliz. Mesmo. Milagre por definição seria um “Fato sobrenatural oposto as leis da natureza” (definição do dicionário). Pois bem, não consigo ver como improbabilidade possa virar milagre. Não consigo ver também aonde a teoria da evolução de Darwin é “sobrenatural”. Do pouco que sei ela pode ser chamada de improvável, mais milagrosa? Acho que William forçou a barra exageradamente.

Se formos brincar com improbabilidades, posso usar uma pá de exemplos simples do dia-a-dia, mas que de certa forma retratariam a improbabilidade. Ser atropelado por um carro ao andar pela rua? Achar uma nota de 100 reais no chão? Ganhar na Loteria (essa então é bem absurda hehehehehe)? Vencer um sorteio? Tomar um bala perdida em um engarrafamento?

Apesar destes exemplos não estarem próximos matematicamente da improbabilidade do evolucionismo, eles possuem margens pequenas de acontecer no geral. Deveríamos então classificá-los como milagres? Então toda semana quase temos milagres na loteria. Sei que meus exemplos são parcos, mas o meu ponto é que improbabilidade NÃO constitui milagres.

Por final, sua conclusão final que os naturalistas e ateístas se apoiam na teoria do Evolucionismo como verdade. Ele até passa uma impressão de pouco desespero quando afirma “Não importa como…ELA TEM QUE SER VERDADE!”(supostamente imitando um Naturalista ou Ateu afirmando isso). Bem discordo de novo. Eu pelo menos não afirmo que Darwin é verdade absoluta e sou Ateu. Simplesmente acho sua teoria (pretendo estudá-la mais) satisfatória em diversos aspectos. Muito mais satisfatória do que recorrer a um Deus criador de tudo e manipulador de todas as constantes universais para que assim pudéssemos vir a existir. Isso para mim seria MUITO mais improvável que o surgimento do genoma humano. Pois além de tudo teríamos que calcular a probabilidade de um super ser, dotado de tamanhos poderes existir.

Bem, me estendi mais do que devia. Abraços a todos!

22
out
09

Coexistir – Ateísmo

Ateísmo

Ateus por definição são pessoas que não crêem em Deus ou Deuses. Essa definição por si só deixaria claro o que um Ateu é. Aparentemente essa definição deixa margem para diversas interpretações negativas e preconceituosas.

Uma pesquisa feita pelo IBGE em 2000 ¹ mostra que o número de Ateus no Brasil vem crescendo em um ritmo acelerado. Isso indica que Ateus não são uma parcela ínfima da sociedade e que compõem, numerosamente, uma parcela significativa.

O preconceito mais comum contra o Ateu é sua moral/ética serem possivelmente duvidosas ou “flexíveis demais”. A origem deste preconceito é que para grande parte das religiões moral e ética são baseadas em livros sagrados. A bíblia por exemplo. Ateus não possuem livros ou mandamentos, mas são tão capazes de desenvolver uma moral e conduta quanto um católico. Nada impede um Ateu de praticar bons atos ou ser caridoso, isso independe de religião. Preconceitos um pouco menos difundidos, mas tão perigosos quantos são que Ateus não tem “alma”, não possuem senso de justiça ou são pessoas perdidas e profanadoras de tudo que é sagrado em geral, por não aceitarem um criador maior para justificar nossa existência.

Obviamente dizer como este preconceito afeta a sociedade seria redundante, visto que preconceitos não contribuem em nada, além de separatismo social.

A imagem a princípio foi um pouco difícil de ser trabalhada, pois como representar um Ateu? A maioria dos símbolos existentes são referentes à ciência ou ao evolucionismo de Darwin. Evidência maior que Ateísmo não necessariamente está relacionado com a ciência dá-se ao fato que inúmeros cientistas possuem religião.

A imagem traz consigo um conceito simples. Utilizando-se bonecos como representação de uma pessoa e estampadas em suas camisas os símbolos de suas crenças. As religiões escolhidas foram Judaísmo e Cristianismo. O boneco do centro com a camisa sem estampa representa exatamente a falta de crença de um Ateu. Nada melhor que a não utilização de símbolos para representar o Ateu, a nível de descrença.

Um círculo envolve os três bonecos, com o intuito de passar união. Assim como na matemática esse símbolo funciona como agrupador de elementos. A utilização do círculo evidencia a idéia da coexistência, crentes e não crentes no mesmo grupo.

Por estar trabalhando simbologias simples, resolvi utilizar preto e branco, visto que cores só iriam adicionar mais informação visual, o que não seria necessário. Uma frase curta, mas de impacto foi utilizada para rápida assimilação da idéia da imagem, facilitando a associação de Ateu com o boneco do meio, com a camisa sem estampa.

21
out
09

Zona de cachinhos dourados…

Pois bem quero iniciar o posto dividindo um pouco de minha alegria com vocês! Recebi meu primeiro “Dez” na faculdade! Comecei o curso com o pé direito hehehehehehe. Professor gostou um bocado do meu trabalho de sociologia. Tema coexistência, meu grupo escolhido Ateus. Depois em post futuro eu ponho na íntegra o texto que elaborei juntamente da imagem pro pessoal ver.

Recentemente lendo o livro “Deus um Delírio” de Richard Dawkin, me deparei com um termo curioso utilizado em uma teoria da cosmologia. Do multiversos (ou o universo como bolhas de sabão, onde a nossa galáxia seria uma bolhinha dessas em meio a diversas) que fala que o surgimento da vida se deu apenas pois nosso planeta e galáxia está nessa zona chamada de Cachinhos Dourados (Goldilocks zone).

Cachinhos Dourados? Má como Cachinhos porra?! Explica essa porra!

Calma comissário é tudo muito simples! Essa fita aqui mostr…ops, tentarei explicar por alto o que seria e qual razão do termo. O termo surgiu como referência aquela história pra crianças, da Cachinhos Dourados que ao adentrar na casa dos ursos (que lhe deram abrigo ao invés de dilacerar ela) se depara com 3 cadeiras postas a mesa e 3 pratos de mingau. O do pai urso era quente demais, da mãe frio demais e o do filho estava na temperatura perfeita! Pois é com esse conceito de “perfeito” (quase) que o term0 surgiu. Afirma-se que o nossa galáxia possui as constantes em perfeito equilíbrio para manutenção da vida. O planeta terra encontra-se nessas condições, somos a prova “viva” (literalmente) do equilíbrio dessas constantes. Não pesquisei a fundo essas constantes, mas duas delas seriam temperatura e pressão. Estudarei um pouco mais a respeito dessa interessante teoria que faz parte do princípio Antrópico. Se pararmos pra pensar as chances de ocorrer no universo, locais com essas constantes seriam quase impossíveis. As constantes além de estar naquele valor (valor esse que é quase fixo, não permitindo uma tolerância nessa variação) necessitariam também de manutenção para essa permanência.

Logicamente o “Design Inteligente” fala que foi Deus que projetou e criou essas constantes e mantém elas nessas condições para nossa sobrevivência/surgimento da vida. Além disso ele de quebra ainda atende todas as preces feitas por cada ser humano teísta. Sem contar que se houver vida em outros universos/planetas ele tem de dar conta disso tudo também. Não há como imaginar um ser simples para isso tudo. Se Deus existir ele tem de ser complexo, concluo (não afirmo).

Curiosamente ouço as vezes as pessoas falarem que para ser Ateu “tem de crer tanto quanto um teísta na não existência de Deus”. Pois bem, primeiramente eu não afirmo que Deus não existe. Digo que as chances de sua existência são improváveis demais. Para mim não é como tirar cara ou coroa, onde temos os famosos “50% sim 50% não”, pois a nível de evidências não temos nada que corrobore sua existência. Se algum dia provarem que ele exista de maneira satisfatória podem “acreditar” falarei tranquilamente, “Aw, agora sim. Eu acredito também.” Segundo a fé por si só não pode ser “provada”. Segundo a palavra “não creio em deus”, soa um tanto quanto estranho. Prefiro dizer que “Baseado na falta de evidências de sua existência, até então, concluo que o mesmo não exista.” Simples assim. Bom, mas isso fica para outro post. Sei que muitos dirão “Aww mais o Amor é a mesma coisa, pessoal, intransferível e não se pode evidenciar de modo satisfatório.” Concordo, mas creio que existam diferenças quanto a amar alguém e amar um Deus.  Devido a minha falta de conhecimento é um argumento que eu preciso embasar e estudar mais acerca. Ler mais sobre. Enfim.

Tentarei pesquisar mais sobre cosmologia e suas magníficas teorias e falarei mais a respeito! Abraços a todos!

15
out
09

Como converter Ateus?

Olá a todos! Venho trazer esse cômico vídeo do youtube “Como lidar com um ateu” (clique para ver). Presumo que esse senhor com so(a)taque gaúcho seja um pastor pelo aspecto “dinâmico” da coisa. Se procurarem um pouco no youtube poderão ver mais pérolas do sujeito. O vídeo é pequeno uns 40 segundos no máximo.

Trago esse vídeo pois de fato achei engraçado, mesmo. Peguei esse vídeo de um tópico do Ateus.net (pode-se achar o link na minha seção de links) do fórum Ateísmo.

Resolvi levantar uma questão ao ver tamanha bobeira. O fato de um ateu se converter diante do medo desesperador da morte. Eu pensei que os pastores (se é que ele é um pastor, não posso afirmar) tivessem mais imaginação. Esse velho truque do “na hora do desespero todo mundo chama AI MEU DEUS!” já não cola mais. Bom eu sou Ateu e já cansei de dizer “JESUS CRISTO!” quando alguém fala uma coisa idiota ou vejo algo absurdo. Sabe qual razão? Pois para mim dizer isso não passa de uma expressão comum. Façamos uma comparação. Se eu chutar uma cadeira sem querer e gritar “CADEIRA FILHA DA P***!” Acreditaria eu que REALMENTE a cadeira tem uma “mãe” e que a mãe dela é uma p***? Acho que nem um católico fervoroso iria achar isso. O mesmo ocorre quando se grita “AI MEU DEUS!” quando tomar um susto ou algo do gênero. Me admira alguém achar que de fato um ateu usar tais expressões o tornem dúbio em sua não crença.

Acho que isso não era nem pra ser um motivo de post, mas não resisti. Afinal uma penca de pessoas bateram palma para esse cara ao afirmar coisa tão ridícula (espero que conscientemente. Pior quando se bate palma para algo e nem sabe do que se trata!) portanto devo assumir que muitas pessoas acham que pegam um ateu quando eles proferem tais palavras. “AHÁ! Te peguei! Viu! Até você acredita em Deus!”. Já sei. Aconselho a todos que não acreditam, ao topar o pé numa pedra gritem “AI MEU ZEUS!” Assim pelo menos não receberemos críticas dos teístas que estiverem perto.

Sério mesmo. Ri um bocado com esse vídeo somado ao so(a)taque gaúcho do pastor. Belíssima pérola. Fiquem com ZEUS e até o próximo post! (De ateu vou passar pra politeísta!)

That´s all folks.

14
out
09

Darwin Versus Deus

Apesar do título chamativo e sugestivo, esse post nada mais do que irá falar um pouco de Criacionismo (ou design inteligente, sua mais nova roupagem) Versus Evolucionismo. Sei que estou topando num assunto deveras polêmico e cheio de brigas.

Bem a maioria das pessoas sabem do que se trata o Evolucionismo, seleção natural de Darwin. Conceito amplamente difundido (nem sempre corretamente) em aulas de biologia do ensino médio. Não irei entrar em detalhes o que são as teorias de Darwin. Só quero ressaltar que Darwin NÃO dizia que o homem veio do macaco e que as coisas complexas existentes em organismos NÃO eram geradas ao acaso, como algumas pessoas entendem. Tendo isso dito, falarei um pouco do Design Inteligente. Bem o Design inteligente procura justificar que todas as coisas foram criadas do jeito que já conhecemos. Um criador inteligente (e teria que ser no mínimo SUPER COMPLEXO) gerou tudo o que conhecemos. Devo assumir que a teoria da evolução das espécies de Darwin foi um golpe forte nos criacionistas. Onde tudo era “Um criador inteligente (Deus)” virou seleção natural/evolução.

Ainda sim, mesmo com o estudo de Darwin é usual encontrarmos o termo “O Deus das Lacunas”. Deus das lacunas devido a algumas lacunas deixadas pelo darwinismo (que de acordo com Dawkins, estão diminuindo com o passar do tempo, possivelmente chegando a um ponto onde Deus já não teria mais espaço). Logicamente os teologistas mais incisivos juntamente com alguns outros cientistas estão atrás de furos da teoria de Darwin. Um argumento muito comum e creio que ainda não 100% refutado é o princípio da Irredutibilidade. Orgãos super complexos que sem uma estrutura que os compõem perdem sua utilidade. Em outras palavras, orgãos que possuem uma função devido a sua complexidade, portanto de acordo com Darwin, tais orgãos passaram por um processo gradativo até atingir tal complexidade. O design inteligente, afirma que um “meio” olho ou uma “meia” asa não teriam função alguma se não completas como as conhecemos.

Bem em “A Escalada do monte improvável” Dawkins faz uma parábola de uma montanha. Um lado é íngreme e super difícil de escalar, porém o caminho até o topo é menor. O outro lado é mais ameno, mas tortuoso levando bem mais tempo para se atingir o topo. Dawkins brinca dizendo que os criacionistas tendem a pensar num salto do pé da montanha até o topo, enquanto o darwinismo pega o lado tortuoso e lento. Neste mesmo livro temos 2 capítulos inteiros (um para cada) explicando como um “meio” olho era possível e uma “meia” asa também.

Entrarei em mais detalhes sobre Darwinismo a medida que aprender mais sobre. Darwin afirmou, (não com essas palavras) que seu estudo iria ruir se conseguissem achar e provar um organismo/orgão/estrutura que não tenha sido sujeito a gradativa mudança/evolução. Bem todos os encontrados até hoje não foram fortes o bastante para sobreviver a análise científica. Mesmo os sem “resposta” científica não excluem totalmente a hipótese da evolução progressiva (caso contrário, já teríamos teólogos afoitos e notícias nos jornais dizendo “E Darwin estava enganado!”)

É. Darwin continua firme e forte.

Obs: Deixei em aberto, pretendo voltar a esse assunto em breve!

13
out
09

Começo limpo…

Aw, enfim a semana “começa” de fato! Como foi o feriado para o pessoal? Descanso? Estudos? Trabalho? Bom a semana universitária começa, mas ja para quinta feira de novo. Dia dos professores. Ai ai. A propósito temos uma nova figura para o Aterro.

Bom fiz um trabalho para faculdade, matéria “Sociedade e Cultura”. O trabalho consistia em falar sobre um preconceito e sua possível coexistência na sociedade. Baseado no trabalho encabeçado por Bono Vox e vários outros artistas.
Bem, após pensar um bocado escolhi falar sobre Ateísmo na sociedade. Como já mencionei em posts meus anteriores o Ateísmo é foco de preconceitos pesados de fato. Só que por não ter nenhuma evidência visual de que um Ateu é um Ateu não é um preconceito tão evidente. Jamais estarei andando na rua do nada, tomo uma pedrada na cabeça e um cara grita “MORRA ATEU IMUNDO!”. A não ser que eu já tenha dito isso para ele hehehehehehe.

Brincadeiras a parte o que quero realmente de fato deixar claro é que não acho possível a coexistência. Como convencer evangélicos, judeus, muçulmanos, ateus, etc… da coexistência? De terem crenças (e não crenças) discrepantes demais a ponto do diferente incomodar profundamente o outro. Acho muito bacana a campanha e dou a maior força, mas acho extremamente utópica. Desde que nos entendemos por “gente” temos problemas relacionados as diferenças do próximo e isso tem aumentado em certos aspectos (e acho que diminuido um pouco em outros). O problema é que existe muitas vezes em graus extremos. Creio que Bono Vox acredita veemente nessa possibilidade de paz mundial e ele luta por isso. Admirável. Mesmo. Tendo a ser negativista quando o assunto é “humanidade” por isso não consigo imaginar tal situação proposta pelo “Coexistence” (clique para visitar o site).

Espero estar bem errado. Gostaria muito que um dia fosse DE FATO possível essa coexistência. Quem não?

12
out
09

Abemos feriado!

Pois é! Feriado né! Dia das crianças. 12 de outubro.

Na real e importante é que hoje é dia de Nossa Senhora Aparecida. Não sei pra quem ela apareceu, mas é assim que chamam. Feriados religiosos em um estado Laico. É Laico. O que é Laico? Usarei a definição do Dicionário Priberam – laico (latim laicus, -a, -um)adj.

1. Que não pertence ao clero. = leigo
2. Que não sofre influência ou controlo por parte da igreja (ex.: estado laico).
3. Que ou quem não fez votos religiosos. = seculareclesiástico, religioso

Acho que isso deixa bem claro. Mas temos esse feriado e mais duzentos relacionados a santos. Vai entender. A constituição desse país não vale muito mesmo. Ela é violada em coisas muita mais sérias, como direito a educação e a vida. Pobre artigo 5°. Creio que um dos mais violados.
Bem deixando isso de lado um pouco, li algumas coisas sobre o Rio 2016 e achei muitas críticas sobre o mesmo. Fiquei satisfeito em saber que muitas pessoas percebem o quão furado isso pode ser para o Rio de Janeiro. A questão não é afirmar categoricamente que será tudo um lixo, mas de admitir essa possibilidade. Os brasileiros festeiros (redundância) de plantão, apenas CONSEGUEM ver o potencial de festa nas coisas. Tudo que tiver uma latinha de cerveja perto tá ótimo.
Conversando com uns amigos, pensei sobre a parada Gay que teve aqui a pouco tempo. Me pergunto quantas pessoas que foram a parada gay REALMENTE sabem para o que aquilo serve? Qual razão de existir aquilo? Tenho quase certeza que 70-80% das pessoas que vão nas paradas entendem esse evento como pura e simples diversão. Nada de consciência e luta pelos direitos, conquistados. Apenas cerveja, pegação e se divertir. Triste. Pois os criadores do movimento com certeza não pensam assim e lutaram para conquistar esse direito.
E os adeptos de “mindless party” crescem.
Vou criar um feriado também. O dia da não crença. Será que passa?




Aterro Sanitário

Lixo da Vez - Ronaldo o FENOMENO?!

Oi, queria agradecer ao espaço cedido pelo amigo e também entusiasta da copa, Bocadoogro.
Vocês sabem que eu sempre fui brasileiro desde que nasci no Brasil. Gosto muito do brasil e vou curtir muito assistir a copa do meu telão de cinema na minha casa lá na europa.

Mas vim aqui para um assunto mais importante. Essa palhaçada toda de protesto a respeito de usar dinheiro da copa para fazer hospital. Amigo, repito e disse, não se faz copa com hospital! Precisamos de estádio. Esse dinheiro que foi pro estádio não iria para hospital. Se não fosse pela copa o estádio nem o hospital existiria.

Vocês reclamam de hospital, não entendo! Sempre que fico gripado ou preciso de médico o Sírio-Libânes tá lá de boa. Não entendo essas reclamações. Neste ponto eu apoio meu amigo Pelé, grande sábio. Vamos esquecer essas bobeiras e focar na copa.

Grande abraço para vocês, do Ronaldinho Fenômeno.