26
nov
10

Rio 2010

Começo esse post sobre a situação atual que o Rio de Janeiro enfrenta. Levando a piadinha que rola no orkut, facebook e twitter – “Tropa de Elite III – A batalha agora é ao vivo.” Pois é disso que vem se tratando quando se fala de opinião popular. Podemos ver diversas pessoas postando, twittando, e o caralho-a-quatro-ando que – “O NEGOÇU É SENTÁ U DEDU MEMU! MATÁ GERAL! É NOIS BOPE!

Essa imagem ridícula feita por sabe-se lá quem, vem sendo usada pelo facebook/twitter como bandeira de uma campanha, gerada pelas filmagens do helicoptéro de uma emissora, que mostrava os bandidos fugindo tranquilamente por uma trilha em direção ao complexo do alemão. E a polícia nada fez, observou de longe eles na maior calma. Uns a pé outros de moto.

É eu entendo. Diante de tanta impunidade no Rio seria comum de se esperar algo do gênero feito esse surgir. Má administração, Sérgio Cabral um completo vagabundo miliciano e um poder paralelo que vem se criando de muito tempo atrás.

Mais por que em pleno século 21, onde temos acesso a informação, superamos o pensamento medieval à anos , o radicalismo supostamente mal deveria existir e esse pensamento ignorante de “mata-todo-mundo” é tão popular?

Simples. Revolta e vingança. Todos aqueles que sofreram direta e indiretamente com ações de bandidos ou criminosos carregam dentro de si essa raiva. Esse ódio de serem vítimas e não poderem reagir. Quando tem uma chance de ver aqueles que lhes causaram mal serem punidos, obviamente irão se agarrar a essa com todo fervor.

Agora tem também só aqueles babacas que viram Tropa de Elite demais e acham que o Capitão Nascimento é “o cara” e reproduzem pensamentos do mesmo. Brincar com isso é uma coisa, agora levar esse pensamento a sério e achar que o negócio é “matar os vagabundos” (como diria o nascimento) é outra história.

A questão do Rio envolve muito mais trambicagem, corrupção e vista grossa. Matar todo mundo, como sugerido por esses acéfalos internautas não resolve porcaria nenhuma sabe por qual razão?

1 – Se matar chefe de morro resolvesse, teríamos morros limpos hoje. O que já morreu de dono de boca de tráfico não tá no gibi. Simplesmente morre um, coloca-se outro no lugar.

2 – Promover uma chacina no morro, sentando o dedo em “geral” geraria muita revolta daqueles que ali moram. Revolta essa semelhante a que ocorre no oriente médio. Palestinos e Israelenses, onde crianças já nascem sendo doutrinadas desde cedo a odiarem o grupo rival. Crianças nascem o tempo todo em morros. Imaginem futuros soldadinhos sendo alimentados com ódio e sentimento de vingança desde cedo? Que futuro brilhante seria!

3 – Numa possibilidade ao limpar o morro do tráfico abrimos espaço pras famosas milícias. É! Aquelas que vimos no filme Tropa de Elite 2? Então, aquilo não é piada nem ficção. Aconteceu em um dado momento do Rio de Janeiro e ainda acontece. É trocar o 6 por meia dúzia.

Gostaria que alguém me apontasse um motivo racional e inteligente que corroborasse com uma ação “MATA GERAL!”. Mesmo. Eu fico tentando procurar vantagens ou coisas semelhantes que me façam compreender o motivo de tantas pessoas apoiarem uma medida dessa. Claro, por favor, não me venham com motivos imbecis como “Awww mais por que não foi você que teve uma arma apontada para sua cabeça!”. Motivos pessoais de revanchismo não podem sobrepujar a contribuição de um cidadão para com um problema.

O rio enfrenta um problema hoje. E sério. Devemos descobrir nossos erros e aprender com eles. Não apoio a impunidade, mas tampouco apoiarei uma chacina desmedida pois são todos supostos “vagabundos”.

Adorei o filme tropa de Elite e o capitão Nascimento. Mas tenho cérebro e senso crítico para atender, que o José Padilha quis foi fazer uma enorme denúncia de todo o sistema que funciona no Rio de Janeiro. E acreditem – os soldados do BOPE estão longe de ser heróis nessa história. Sem generalizar, claro.

Anúncios

0 Responses to “Rio 2010”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


Aterro Sanitário

Lixo da Vez - Ronaldo o FENOMENO?!

Oi, queria agradecer ao espaço cedido pelo amigo e também entusiasta da copa, Bocadoogro.
Vocês sabem que eu sempre fui brasileiro desde que nasci no Brasil. Gosto muito do brasil e vou curtir muito assistir a copa do meu telão de cinema na minha casa lá na europa.

Mas vim aqui para um assunto mais importante. Essa palhaçada toda de protesto a respeito de usar dinheiro da copa para fazer hospital. Amigo, repito e disse, não se faz copa com hospital! Precisamos de estádio. Esse dinheiro que foi pro estádio não iria para hospital. Se não fosse pela copa o estádio nem o hospital existiria.

Vocês reclamam de hospital, não entendo! Sempre que fico gripado ou preciso de médico o Sírio-Libânes tá lá de boa. Não entendo essas reclamações. Neste ponto eu apoio meu amigo Pelé, grande sábio. Vamos esquecer essas bobeiras e focar na copa.

Grande abraço para vocês, do Ronaldinho Fenômeno.


%d blogueiros gostam disto: