23
set
10

Top 10 jogos – Parte 2

E continuando a lista…

7 – World of Warcraft

Aw! World of Warcraft. Tenho muito boas lembranças desse jogo, pois foi simplesmente o melhor MMORPG que eu já pude experimentar. Testei Silk Road, Ultima Online, Ragnarok, Priston Tale, Lineage II e simplesmente nenhum deles chegam aos pés de WoW.

Jogabilidade que lembra muito um jogo de ação de terceira pessoa, permitem uma jogabilidade sem igual. Raids gigantescas (com até 40 pessoas), Battlegrounds para PvP, profissões e um mundo gigantesco são apenas algumas das coisas de se esperar em WoW. Cada classe possui três árvores de talentos e quase 50-60 habilidades distintas dando uma possibilidade imensa de construções diferentes.

Pena que é pago, U$ 15,00 por mês e ao meu ver, o jogo tem perdido seu charme e qualidade, por assim dizer, desde o seu início. Em sua primeira versão os duelos eram bem mais empolgantes e davam uma satisfação ao derrotar o inimigo. Conforme novas expansões foram vindo, os duelos não passam de 20 segundos devido aos danos absurdos que as classes conseguem dar agora. Ficou tudo mais forte e menos divertido.

Sua direção de arte, também seguiu caminhos estranhos. O design de itens e armaduras era muito mais bonito e colorido. As texturas de algumas armaduras e armas pareciam quase que pinturas. A riqueza de detalhes era bem grande. Agora os sets, boa parte deles são “re-skins”, pegando modelos antigos e somente aplicando uma nova textura e sem muito destaque. Com exceção dos cenários, que são muito bem feitos e detalhados – pelo menos isso – a blizzard não tem errado.

Para quem nunca jogou ou procura um MMO bom, recomendo. Não sei a que pé o jogo se encontra atualmente (parei de jogar no início do Lich King), mas vale a pena dar uma conferida. Considero que esse foi o grande trunfo da blizzard desde sua fundação!

6 – Plants Vs Zombies

Dando uma pausa na onda “hardcore” eis Plants! Lançado logo após Peegle (outro ótimo jogo, mas não tão viciante) a Popcap demonstrou que não é necessário grana e engines poderosas para se explorar uma idéia genial. Um jogo casual, de fácil aprendizado, Plants tem a característica principal de ser extremamente viciante. Até hoje de todas as pessoas que eu já indiquei esse jogo, nenhuma delas conseguiu achar ele ruim.

O jogo é simples – você tem sua casa e esta está sendo invadida por zumbis. Sua defesa? Plantas. Colete sol, seu recurso primário e compre plantas para seu quintal e defenda-se da horda comedora de cérebros. Junte dinheiro para comprar mais plantas e outros recursos que o jogo oferece.

Vale o destaque para os 25 mini-jogos e mais puzzles, incluidos no jogo. Sem mencionar o Zen Garden, onde você pode criar plantas e cuidar para que elas crescem e te recompensem com uma bela grana extra. O jogo possui uma grande variedade de plantas e zumbis, provocando algumas risadas (especialmente o Zumbi Michael Jackson) e os cogumelos noturnos. Mais que recomendo, Plants é um jogo leve e simples, ótimo para matar o tempo e se divertir.

5 – Dead Space

Não isso não é uma foto do vídeo ou alguma animação do jogo. É foto do jogo, in-game mesmo. Dead Space é um dos jogos mais cinematográficos de horror que eu já joguei. Dá medo mesmo. Esqueça Resident Evil 4 ou aquela porcaria do 5. Quer medo? Jogue Dead Space.

O jogo é futurista e se ambienta em uma nave espacial que supostamente perdeu contato com as outras. Você juntamente com uma pequena equipe, são enviados até lá para verificar o problema. Chegando lá…bem, joguem para descobrir.

Esse jogo ao meu ver, possui dois diferenciais que foram muito bem explorados – Imersão e som. A imersão se dá, principalmente, por toda a interface necessária (vida, munição, inventário) se darem no jogo, embutidos. Não tem um HUD aparente te lembrando o tempo todo que você tá em um jogo. O som é o principal responsável pelo medo no jogo. Músicas com cadência de suspense, respirações estranhas, passos, urros monstruosos e tudo isso fazem com que a imersão em Dead Space seja fácil e angustiante.

Apague a luz, coloque o Headset e jogue. Só não digam que eu não avisei caso se peguem tremendo a mão do mouse com algum susto…

Anúncios

2 Responses to “Top 10 jogos – Parte 2”


  1. 1 Mephistao
    setembro 23, 2010 às 9:05 pm

    melhores jogos de todos os tempos na sua opinião certo?

    nossa plants vs zombies foi uma surpresa pra mim.. hahahaha não que ele seja ruim, muito pelo contrario eu adorei e indiquei pra muita gente, mas é um jogo mais pra passa-tempo nada hardcore como vc mesmo disse.. excelente lista vamo v oq vem por ai ^^


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


Aterro Sanitário

Lixo da Vez - Ronaldo o FENOMENO?!

Oi, queria agradecer ao espaço cedido pelo amigo e também entusiasta da copa, Bocadoogro.
Vocês sabem que eu sempre fui brasileiro desde que nasci no Brasil. Gosto muito do brasil e vou curtir muito assistir a copa do meu telão de cinema na minha casa lá na europa.

Mas vim aqui para um assunto mais importante. Essa palhaçada toda de protesto a respeito de usar dinheiro da copa para fazer hospital. Amigo, repito e disse, não se faz copa com hospital! Precisamos de estádio. Esse dinheiro que foi pro estádio não iria para hospital. Se não fosse pela copa o estádio nem o hospital existiria.

Vocês reclamam de hospital, não entendo! Sempre que fico gripado ou preciso de médico o Sírio-Libânes tá lá de boa. Não entendo essas reclamações. Neste ponto eu apoio meu amigo Pelé, grande sábio. Vamos esquecer essas bobeiras e focar na copa.

Grande abraço para vocês, do Ronaldinho Fenômeno.


%d blogueiros gostam disto: