03
out
09

Rio 2016. E agora?

Pois é soubemos ontem que o Rio será o palcuzinho ou palcuzão das olimpíadas de 2016. Seria espaço para uma nova categoria esportiva tiro ao pato? Ou 100 metros rasos COM bala perdida? Só o tempo dirá.

Apesar o entusiasmo Nacional (carioca em especial) as pessoas poderiam parar e pensar um pouco melhor. É eu sei que TUDO é motivo de festa pra brasileiro (até ponto facultativo foi dado ontem), de acordo com um amigo meu agora, será carnaval até 2016! HAhahahahahaha!

Bem, vejamos alguns pontos.

Prós das olímpiadas :

-Supostamente dinheiro será investido (ou desviado) em diversos setores com a infra estrutura precária. Transporte principalmente. Projetos de ampliação de metrô e manutenção já foram anunciados.

-Turistas. Muitos turistas. Dinheiro, Euros, Dólares. Consumo. Comerciantes felizes.

-Reforço policial em zonas de “risco”?

Acho que basicamente são os pontos fortes. Não vejo muito mais vantagens pro estado além de econômicas/infra-estrutura.

Contras :

-Reforço policial aumentado e mais violento. As formas de repressão podem piorar, pois como no Pan, a polícia tende a ficar mais violenta, para mostrar serviço.

-Enorme gasto público com áreas pertinentes ao evento em si, enquanto que o mesmo dinheiro poderia ser investido em hospitais e escolas. Especialmente nas zonas “abandonadas”, como baixada e zona norte.

-Lula chorando na televisão dizendo que o “Básil” fez por merecer e o “Riu di janeirú” foi uma excelente escolha.

-Tempos de “paz” temporários. Depois que a tenda do circo for desmontada o pau voltará a comer solto por aqui. Ou seja, não se encaixa muito bem na parte dos “contras”. As pessoas diriam “Melhor paz de vez em quando do que nunca!” Ok, isso é um argumento?

Bem, o negócio é, como diria Martinha Suplicy, relaxar e gozar. As pessoas que tão HIPER-SUPER empolgadas com isso meu mais sincero “HUUUUURAY!”

2016 vai chegar evidentemente e iremos testemunhar essa beleza que são os jogos olímpicos não? Ok, serei um bom brasileiro e direi que to felizão com essa escolha.

NÃO.

Anúncios

2 Responses to “Rio 2016. E agora?”


  1. 1 ymara ribeiro
    outubro 3, 2009 às 2:50 pm

    Sem comentários… concordo em genero numero e grau de descontentamento tb.Sem falar que o fora Sarney vai pro espaço rapidinho.. eita povinho phoda!

  2. outubro 3, 2009 às 5:22 pm

    É, não fiquei feliz com a escolha tbm, mas torço pra que esteja enganado
    abraço, caro!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


Aterro Sanitário

Lixo da Vez - Ronaldo o FENOMENO?!

Oi, queria agradecer ao espaço cedido pelo amigo e também entusiasta da copa, Bocadoogro.
Vocês sabem que eu sempre fui brasileiro desde que nasci no Brasil. Gosto muito do brasil e vou curtir muito assistir a copa do meu telão de cinema na minha casa lá na europa.

Mas vim aqui para um assunto mais importante. Essa palhaçada toda de protesto a respeito de usar dinheiro da copa para fazer hospital. Amigo, repito e disse, não se faz copa com hospital! Precisamos de estádio. Esse dinheiro que foi pro estádio não iria para hospital. Se não fosse pela copa o estádio nem o hospital existiria.

Vocês reclamam de hospital, não entendo! Sempre que fico gripado ou preciso de médico o Sírio-Libânes tá lá de boa. Não entendo essas reclamações. Neste ponto eu apoio meu amigo Pelé, grande sábio. Vamos esquecer essas bobeiras e focar na copa.

Grande abraço para vocês, do Ronaldinho Fenômeno.


%d blogueiros gostam disto: