28
set
09

Finale…

Trabalhos, correria e faculdade! Serei bem breve, apenas irei colocar neste post o final da história. Sua conclusão. Onde Ele finalmente encontra a princesa. Espero que gostem. Correria, correria! Grande abraço a todos!

“…Ele vivia com essa culpa, como tijolos em suas costas. Jamais se perdoara por isso. Apesar da princesa perdoa-lo, ele não conseguia esquecer. Apesar de ter aprendido a ser uma pessoa melhor. O distanciamento, as grosserias todo pequeno mal que causara a princesa. Seus olhos se estreitaram, queria chorar, pela primeira vez. Seu rosto, abatido, claramente transparecia suas dúvidas e incertezas. Mas ela era tão segura de si! Como podia, ter estado ao meu lado, por todos esses anos, imune as minhas mazelas? Costumava me sentir invencível, perto de todos, mas perto dela eu era apenas. Sua presença era tão gigantesca, tão dominante, ela me deixava tão confuso, tão menino, tão perdido. Ela era muito para mim, foi assim por muito tempo. Até que isso passou, passei a me sentir eu mesmo e a ficar mais confiante diante de sua presença. É como se algo, partisse da princesa, escondido, uma espécie de sinal, que ela quisesse me enviar. Ela sabia quem eu era, como eu era. Quão frágil eu realmente sou. No final, sou eu quem preciso da princesa, e não ela de mim!

Agora tudo fizera sentido! A carta! Ela queria me proteger. Ela estava tão perdida, sabia que eu me tornara tão dependente dela! Ela, perdida, precisava se encontrar, para que só assim então, eu pudesse encontra-la. Ela queria se tornar forte o bastante para nós dois. Para mim…

Meu coração encheu-se, queria lhe dizer que havia mudado! Eu não era aquela figura tão frágil que ela conhecera. Eu havia amadurecido. Eu estou pronto!

Coloquei-me a caminhar, novamente, procurando os passos da princesa. Dessa vez, não haviam passos para seguir. Cabia a mim faze-los, pois eu sabia, que logo atrás estaria a princesa, seguindo-os até se encontrar. Encontrar-me. Finalmente.

Amaram-se tão intensa e plenamente, que a princesa dividiu-lhe seu mais precioso dom, finalmente ela pudera partilhar aquilo que sempre guardou dentro de si, na espera de alguém. Ele. O príncipe agora, possuía o brilho da princesa. Havia sido tocado por um anjo. A princesa…

-Fim-

Anúncios

0 Responses to “Finale…”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


Aterro Sanitário

Lixo da Vez - Ronaldo o FENOMENO?!

Oi, queria agradecer ao espaço cedido pelo amigo e também entusiasta da copa, Bocadoogro.
Vocês sabem que eu sempre fui brasileiro desde que nasci no Brasil. Gosto muito do brasil e vou curtir muito assistir a copa do meu telão de cinema na minha casa lá na europa.

Mas vim aqui para um assunto mais importante. Essa palhaçada toda de protesto a respeito de usar dinheiro da copa para fazer hospital. Amigo, repito e disse, não se faz copa com hospital! Precisamos de estádio. Esse dinheiro que foi pro estádio não iria para hospital. Se não fosse pela copa o estádio nem o hospital existiria.

Vocês reclamam de hospital, não entendo! Sempre que fico gripado ou preciso de médico o Sírio-Libânes tá lá de boa. Não entendo essas reclamações. Neste ponto eu apoio meu amigo Pelé, grande sábio. Vamos esquecer essas bobeiras e focar na copa.

Grande abraço para vocês, do Ronaldinho Fenômeno.


%d blogueiros gostam disto: