26
set
09

Qual razão?

Interrompendo a história um pouco. Passo a pensar. Qual seria o maior motivo de se ter uma religião? A resposta para essa pergunta são, provavelmente, infinitas respostas. Vou exemplificar umas das que mais me intrigam. A morte e a razão da vida. Qual razão nós vivemos? Trabalhamos? Vamos todos morrer um dia, certo?

Pois bem, acho que o papel fundamental da religião está em cobrir os conflitos gerados pelo “desconhecido” em nós, seres humanos. Não há resposta para a morte nem para a “razão de viver”, o motivo motor da existência dos seres humanos.

Bem eu acho que não há nada após a morte, morremos e ponto. É uma visão crua e desesperadora? Para mim não.

Lembrando que a morte é um tabu cultural. Diferentes culturas lidam com a morte de formas distintas. Todo qualquer tipo de crédulo quase, possui uma versão para o pós-morte. Essa necessidade de “tem de haver algo!”. É um assunto complexo pois mexe com estruturas muito frágeis da existência humana. Existir, por que?

Entendo em parte, a razão de uma mãe, após perder um filho, achar conforto em pensar que ele está em um plano superior, feliz e protegido. Acho que o conforto imediato que uma crença religiosa oferece é tentador.

Bem, tentador, mas não o bastante para mim. Já tentei acreditar em algo e simplesmente não dá. Afinal, qual razão deveria ter para acreditar em algo? Não vejo a razão de termos um ser “onisciente/onipresente/onipotente” agindo sobre nós, reles terráqueos. Pensamentos como “Deus quis!” ou “Graças a Deus!”, realmente não me parecem muito sóbrios. Todas nossas conquistas, devemos sempre, mesmo que em parcela a Deus? Nunca nosso esforço próprio ou desejo? Quando uma desgraça se abate sobre nós, Deus quis? Logo não devemos agir para resolver? É inevitável não sentir uma espécie de conformismo nestes pensamentos.

Qual razão?

Anúncios

0 Responses to “Qual razão?”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


Aterro Sanitário

Lixo da Vez - Ronaldo o FENOMENO?!

Oi, queria agradecer ao espaço cedido pelo amigo e também entusiasta da copa, Bocadoogro.
Vocês sabem que eu sempre fui brasileiro desde que nasci no Brasil. Gosto muito do brasil e vou curtir muito assistir a copa do meu telão de cinema na minha casa lá na europa.

Mas vim aqui para um assunto mais importante. Essa palhaçada toda de protesto a respeito de usar dinheiro da copa para fazer hospital. Amigo, repito e disse, não se faz copa com hospital! Precisamos de estádio. Esse dinheiro que foi pro estádio não iria para hospital. Se não fosse pela copa o estádio nem o hospital existiria.

Vocês reclamam de hospital, não entendo! Sempre que fico gripado ou preciso de médico o Sírio-Libânes tá lá de boa. Não entendo essas reclamações. Neste ponto eu apoio meu amigo Pelé, grande sábio. Vamos esquecer essas bobeiras e focar na copa.

Grande abraço para vocês, do Ronaldinho Fenômeno.


%d blogueiros gostam disto: